Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdm.ufmt.br/handle/1/1102
Tipo documento: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Qualidade de vida, estado nutricional e fatores associados em pacientes com doença renal crônica em tratamento hemodialítico
Autor(es): Sousa, Priscila de Oliveira
Orientador(a): Durante, Gabriela Dalcin
Membro da Banca: Durante, Gabriela Dalcin
Membro da Banca: Rodrigues, Paulo Rogério Melo
Membro da Banca: Beserra, Bruna Teles Soares
Resumo : Qualidade de vida (QV) e estado nutricional (EN) de pacientes com doença renal crônica são afetados pelo tratamento de hemodiálise. Objetivou-se analisar QV, EN e fatores associados em pacientes em hemodiálise. Estudo de corte transversal, com 110 indivíduos com idade ≥ 20 anos. Na entrevista investigou-se variáveis socioeconômicas, demográficas, clínicas e de comportamentos relacionados à saúde. Foram aferidas medidas antropométricas e consultados exames laboratoriais. A QV foi avaliada pelo instrumento SF-36. A maioria dos entrevistados eram homens (61,8%), pardos (54,5%), adultos (68,2%), com baixa escolaridade (47,2%). Hipertensão e diabetes foram as principais causas e comorbidades da DRC. A maioria não eram tabagista (93,6%) e etilista (80,7%), e era sedentária (62,7%). O Índice de Massa Corporal médio foi de 25,50±4,57 kg/m2, circunferência da cintura (CC) de 93,13±13,21 cm e espessura do musculo adutor do polegar (EMAP) de 11,30±2,75 mm. Maior pontuação média do SF-36 foi observada no aspecto saúde mental (78,33±17,77) e menor para dor (7,94±3,01). Na análise bivariada, observou-se diferenças significativas entre as médias das pontuações de capacidade funcional e faixa etária (p=0,04), situação conjugal e estado geral de saúde (p=0,03), diabetes e capacidade funcional (p=0,01) e vitalidade (0,02), exercício físico e capacidade funcional (p=<0,01) e vitalidade (p=0,01). Verificou-se correlação negativa entre IMC (p=0,03) e CC (p=<0,01) com capacidade funcional, e positiva com EMAP e aspectos físicos (p=0,02), tempo de diálise e aspectos emocionais (p=0,05) e hemoglobina com capacidade funcional (p=0,03) e estado geral de saúde (p=0,04). Conclui-se que os aspectos da QV que mais sofreram influência das variáveis independentes foram a capacidade funcional e vitalidade.
Resumo em lingua estrangeira: Quality of life (QOL) and nutritional status of patients with chronic kidney disease are affected by hemodialysis treatment. The aim of this study was to analyze QOL, EN and associated factors in hemodialysis patients. A cross-sectional study with 110 individuals aged ≥ 20 years. The interview investigated socioeconomic, demographic, clinical and health-related behaviors. Anthropometric measures were checked and laboratory tests were consulted. The QOL was evaluated by the SF-36 instrument. The majority of respondents were men (61.8%), brown (54.5%), adults (68.2%), and low schooling (47.2%). Hypertension and diabetes were the main causes and comorbidities of CKD. The majority were not smokers (93.6%) and alcoholics (80.7%), and were sedentary (62.7%). The mean body mass index was 25.50 ± 4.57 kg / m2, waist circumference (WC) of 93.13 ± 13.21 cm and thickness of the adductor muscle of the thumb (EMAP) of 11.30 ± 2 , 75 mm. Higher SF-36 mean score was observed in the mental health aspect (78.33 ± 17.77) and lower in pain (7.94 ± 3.01). In the bivariate analysis, we observed significant differences between means of functional capacity and age (p = 0.04), marital status and general health (p = 0.03), diabetes and functional capacity (p = 0.01) and vitality (0.02), physical exercise and functional capacity (p = <0.01) and vitality (p = 0.01). There was a negative correlation between BMI (p = 0.03) and WC (p = <0.01) with functional capacity, and positive with EMAP and physical aspects (p = 0.02), dialysis time and emotional aspects ( p = 0.05) and hemoglobin with functional capacity (p = 0.03) and general health status (p = 0.04). It was concluded that the aspects of QoL that most influenced the independent variables were functional capacity and vitality.
Palavra-chave: Qualidade de vida
Hemodiálise
Estado nutricional
Doença renal crônica
Palavra-chave em lingua estrangeira: Quality of life
Hemodialysis
Nutritional status
Chronic kidney disease
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUC - Cuiabá
Departamento: Faculdade de Nutrição (FANUT)
Programa: Nutrição - CUC
Referência: SOUSA, Priscila de Oliveira. Qualidade de vida, estado nutricional e fatores associados em pacientes com doença renal crônica em tratamento hemodialítico. 2019. 83 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Nutrição) – Universidade Federal de Mato Grosso, Faculdade de Nutrição, Cuiabá, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdm.ufmt.br/handle/1/1102
Data defesa documento: 12-Feb-2019
Aparece na(s) coleção(ções):Nutrição - Bacharelado

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC_2019_Priscila de Oliveira Sousa.pdf3.01 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.