Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdm.ufmt.br/handle/1/973
Tipo documento: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Perfil epidemiológico da Sífilis Congênita no município de Sinop/MT no ano de 2016
Autor(es): Vidal, Gesiely Gimenes dos Santos
Orientador(a): Flores, Cezar Augusto da Silva
Membro da Banca: Flores, Cezar Augusto da Silva
Membro da Banca: Sartori, Ana Lucia
Membro da Banca: Calicchio, Maria das Graças de Mendonça Silva
Resumo : A Sífilis Congênita (SC) vem se transformando em um problema de saúde pública tanto no Brasil como no mundo e há um aumento progressivo do número de casos de Sífilis Congênita (SC) no Brasil. O presente estudo teve como objetivo, analisar a situação e o perfil epidemiológico da SC no município de Sinop, 2016, por meio das fichas de notificações. A pesquisa de campo com abordagem quantitativo-descritiva, foram analisadas todas as fichas notificadas com SC em 2016 na Secretaria Municipal de Saúde (SMS), para análise dos dados utilizou-se frequência absoluta e relativa, utilizou-se também o coeficiente de incidência para calcular a incidência de casos de SC durante 2010 a 2016. Foram notificados 18 casos de SC, todos esses nasceram e foram notificados no primeiro e segundo dia de vida em Sinop, 2016, a incidência da SC para 2016 foi de 6,7 casos/1000 nascidos vivos, foram encontrados muitos dados na ficha de notificação em branco e/ou ignorado. Os achados da pesquisa apontam que há necessidade de capacitar e treinar todos os profissionais para preencher corretamente a ficha de notificação da SC e necessita de melhorias tanto na educação em saúde como no fortalecimento do esquema de detecção e tratamento durante o pré-natal.
Resumo em lingua estrangeira: Congenital Syphilis has become a public health problem both in Brazil and in the world and there is a progressive increase in the number of cases of Congenital Syphilis in Brazil. This research had as a goal of analyzing the situation and the epidemiological profile Congenital Syphilis in the city of Sinop/MT, in 2016, through the notifications forms. A field survey with a quantitative-descriptive approach was use to analyze all the records reported with Congenital Syphilis in 2016 at the Municipal Health Department (MHD). Data were analyzed using absolute and relative frequency and the incidence coefficient to calculate the incidence of Congenital Syphilis cases during 2010 to 2016. Eighteen cases of Congenital Syphilis were report, all of which were born and were report on the first and second day of life in Sinop, the incidence of Congenital Syphilis for 2016 was 6.7 cases / 1000 live births, many data were find in the blank and / or ignored notification form. The results of research show that there is a need to train and train all professionals to properly fill out the notification form of Congenital Syphilis and needs improvements both in health education and in strengthening the detection and treatment scheme during prenatal care.
Palavra-chave: Sífilis Congênita
Vigilância Epidemiológica
Assistência Pré-Natal
Palavra-chave em lingua estrangeira: Congenital Syphilis
Epidemiological Surveillance
Prenatal Care
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUS - Sinop
Departamento: Institutos de Ciências da Saúde (ICS) – Sinop
Programa: Enfermagem - CUS
Referência: VIDAL, Gesiely Gimenes dos Santos. Perfil epidemiológico da Sífilis Congênita no município de Sinop/MT no ano de 2016. 2017. 61f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) – Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Ciências da Saúde, Sinop, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdm.ufmt.br/handle/1/973
Data defesa documento: 11-Jul-2017
Aparece na(s) coleção(ções):Enfermagem - Sinop

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC-2017-GESIELY GIMENES DOS SANTOS VIDAL.pdf3.21 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.