Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdm.ufmt.br/handle/1/1965
Tipo documento: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Controle estatístico de contaminantes na fermentação alcoólica em uma usina de etanol de milho
Autor(es): Sampaio, Arthur Borges
Orientador(a): Ramirez, Maribel Valverde
Membro da Banca: Ramirez, Maribel Valverde
Membro da Banca: Justi, Gabriel Henrique
Membro da Banca: Filho, Nazime Sales
Resumo : Etanol é uma fonte de energia renovável com considerável potencial para substituição de combustíves fósseis. A utilização do milho como substrato para produção de etanol no Brasil vem se tornando cada vez mais real, principalmente em Mato Grosso por ser o maior produtor de milho do Brasil e por possuir déficit estrutural em sua cadeia logística. A produção de etanol de milho utiliza-se de fermentação alcoólica via Saccharomyces cerevisiae, esta por sua vez é sensível a contaminantes ocasionando estresse e gerando perdas de rendimento fermentativo. O objetivo do presente trabalho é a análise estatística descritiva e a realização da análise inferencial com teste t de Student para médias dos resultados experimentais de dosagem de dois antibióticos associados sendo eles virginiamicina e penicilina, comparando esta dosagem com apenas a de virginiamicina. Os resultados das análises experimentais foram obtidos via HPLC. Os valores observados para as análises foram: ácido lático, ácido acético e concentração de etanol °GL estes em 18 horas de fermentação e 55 horas de fermentação. As análises estatísticas descritivas dos dados mostraram que houveram reduções nas médias, medianas, e desvios padrões com a dosagem combinada dos antibióticos. O teste t de Student para média constatou que houve uma mudança estatísticamente comprovada nas médias dos resultados, podendo concluir assim que as dosagens dos antibióticos diminuiram as concentrações de ácido lático e acético para os tempos de fermentação estudados. As médias para os ácidos lático e acético foram reduzidas, respectivamente, em 83,91% e 89,67% para 18h de fermentação. Enquanto para 55h de fermentação tivemos uma redução de 87,71% e 92,29%. Além disso, houve um aumento nas médias de concentração de etanol °GL sendo 29,06% para 18h de fermentação e 28,75% para 55h de fermentação.
Resumo em lingua estrangeira: Ethanol is a renewable energy source with considerable potential for replacing fossil fuels. The use of corn as a substrate for ethanol production in Brazil is becoming more and more real, especially in Mato Grosso as it is the largest corn producer in Brazil and because of its structural deficit in its supply chain. The production of ethanol from corn uses alcoholic fermentation via Saccharomyces Cerevisiae, which in turn is sensitive to contaminants causing stress and generating losses in fermentation yield. The aim of the present work is the descriptive statistical analysis and performing the Student's t test as an inferential analysis for means of the experimental results of dosage of two associated antibiotics, Virginiamycin and Penicillin, comparing this dosage with only Virginiamycin. The results of the experimental analyzes were obtained via HPLC. The values observed for the analyzes were: lactic acid, acetic acid and ethanol concentration °GL these in 18 hours of fermentation and 55 hours of fermentation. Descriptive statistical analyzes of the data showed that there were reductions in means, medians, and standard deviations with the combined dosage of antibiotics. The Student's t test for the average found that there was a statistically proven change in the averages of the results, which could lead to a decrease in the concentrations of lactic and acetic acid for the studied fermentation times. Averages of lactic and acetic acid for 18 hours of fermentation were reduced by 83.91% and 89.67% respectively, for lactic and acetic acid at 55 hours of fermentation the reduction was 87.71% and 92.29% respectively and the increase in the average concentrations of ethanol °GL at 18 and 55 hours of fermentation were respectively 29.06% and 28.75%.
Palavra-chave: Ácido lático
Ácido acético
Fermentação
Contaminação
Antibióticos
Palavra-chave em lingua estrangeira: Lactic acid
Acetic acid
Fermentation
Contamination
Antibiotics
CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso
Sigla da instituição: UFMT CUVG - Várzea Grande
Departamento: Instituto de Engenharia – Várzea Grande
Programa: Engenharia Química - CUVG
Referência: SAMPAIO, Arthur Borges. Controle estatístico de contaminantes na fermentação alcoólica em uma usina de etanol de milho. 2021. 51 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Faculdade de Engenharia, Universidade Federal de Mato Grosso – Campus Universitário de Várzea Grande, Cuiabá, 2021.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdm.ufmt.br/handle/1/1965
Data defesa documento: 13-Sep-2021
Aparece na(s) coleção(ções):Engenharia Química - Várzea Grande

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC Arthur Borges Sampaio .pdf1.08 MBAdobe PDFVer/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.